sábado, 24 de agosto de 2013

Olhar

Vida de um menino único de corpo nu de uma nudez permanente ,pe descalço de rosto incógnito marcado pela vida de quem nada tem .Um menino de estranho olhar esbugalhado e terno mas cheio de sofrimento de uma vida amargurada .Menino marcante cheio de anseios pela rudez e angustias da sua vida ,vida essa cheia de soluços de fome e sede .Que menino estranho que me deixa sem palavras ,por momentos a felicidade reina num estender de mao que agradece com um lindo sorriso rasgado no seu rosto .Vejo neste menino a simplicidade dos pormenores de quem nada tem ,uma visão simplesmente pura e extenuante do seu amor pela vida na mais pura plenitude .Momento único da vida ver tal simbiose da metamorfose num rosto que se transforma a cada amargura da vida ,nele nasce a felicidade e a esperança que tanto
procura .Sera este menino a verdadeira essência do ser humano com tao ténue esperança de vida ,vida essa que não viveu . Ficaram as recordações  de um olhar visto por quem tudo tem e que tudo pode fazer por quem nada tem ,um recordar de um momento passado mas presente neste mundo em constante transformação.
Seja aquele que tudo pode transformar na vida de quem nada tem -Emanuel Moura

12 comentários:

  1. OI emanuel,eu também fico com o coração apertado,quando vejo essas crianças,passando fome ou esmolando nas ruas.As marcas,são de crianças infelizes,que passam necessidades.Mas,como não podemos mudar o mundo,um pouquinho que fazemos,já estaremos os ajudando Aquí no Brasil,existem lugares onde ficam essas crianças carentes e eu ajudo a medida do que está dentro das minhas possibilidades.Se pudesse ajudaria à todos.

    bjs amigo
    Carmen Lúcia-mamymilu.blogspot.com

    ResponderEliminar
  2. Um olhar sobre milhões de crianças...de seres humanos.

    O pior é a dignidade impossível de ter quando o estômago só quer comer.

    Palavras que comovem e deixam aperto no coração.

    Beijo

    ResponderEliminar
  3. Ai que triste e que foto mais tristinha!!!!!

    :(

    ResponderEliminar
  4. crianças que carregam o peso de uma vida que não merecem, em adultos se transformam com corações amargurados e perdidos de si mesmos,
    muito triste ver e nada fazer
    beijinhos

    ResponderEliminar
  5. ...e, porém, há esperança!
    Gostei muito da "simplicidade dos pormenores de quem nada tem", que é o que dizes ver neste menino... Assim fosse com tanto adulto...

    O teu abraço. Sempre

    ResponderEliminar
  6. Amigo
    Um lindo olhar de inocente,mas sofredor e sem saber a maldade do Mundo
    O texto já diz tudo.
    Uns na opulência,outros na vegetação....terrível!!!
    um beijinho amigo

    ResponderEliminar
  7. Uma história que me enche de tristeza, uma viagem constante na bsc luz que habita em nossa alma ânsias própria luta por uma sociedade mais justa e humana. Bela publicação alrgato Emannuel como sempre cheio de emoção.

    Um grande abraço.

    ResponderEliminar
  8. Olá, querido Emanuel!

    A imagem, "destrói-nos", mas as suas palavras confortam-nos.

    Um dia, Deus acabará com o sofrimento destas crianças, porque Ele é Pai.

    Obrigada pelas palavras sempre carinhosas e muito elogiadoras.

    Boa semana.

    Beijinhos da Luz, que muito o estima.

    ResponderEliminar
  9. Hay un dicho que dice que algunos nacen con estrellas o otros estrellados... las injusticias que se sufren en la niñez se pagan más caras en la vida adulta.
    Una entrada muy sensible y emotiva Emanuel, tan emotiva como real.
    Te dejo un fuerte abrazo, bella noche!

    ResponderEliminar
  10. OI EMANUEL!
    VER UMA CRIANÇA, QUE TUDO DEVERIA RECEBER, DA VIDA, NUMA SITUAÇÃO DE ABSOLUTA FALTA, FICAMOS PENSANDO NA RESPONSABILIDADE DE CADA UM DE NÓS NESTE CONTEXTO.
    TOMARA QUE POSSAMOS SER UM DOS QUE TUDO PODEM, PARA TUDO DAR E MELHORAR UM POUCO A VIDA DE UMA CRIANÇA QUE SEJA...
    TOCANTE DEMAIS.
    ABRÇS

    http://zilanicelia.blogspot.com.br/

    ResponderEliminar
  11. Gracias por pasar y dejar tus bellas palabras, gracias por la compañía de siempre... gracias por estar Emanuel.
    Abrazos, bella noche.

    ResponderEliminar
  12. Olá Emanuel, este olhar também já me prendeu e tenho esta foto num dos meus blogues! O olhar deste menino que chora, que apenas suplica através das suas lágrimas!Um olhar que entra em nós e dificilmente sai! Agradeço-lhe a sensibilidade do seu olhar ao escrever sobre as crianças que sofrem vítimas inocentes da ganância e intolerância dos poderosos. Que Deus, que tudo pode, seja a esperança para todos estes seres indefesos e sobre os quais muito pouco podemos fazer, senão orar. Tenha um bom domingo. Bjs Ailime

    ResponderEliminar